Cadernos de Seguro

Opinião

“Inflação da saúde”, grande desafio socioeconômico

Costumo dizer aos meus alunos que, talvez, só exista uma “verdade” em Economia: a “Lei da Oferta e da Procura”, pilar fundamental da Teoria de Preços.

Não se trata de uma visão liberal lembrar que não se justificam intervenções nos preços, a não ser em casos específicos, quando mercados imperfeitos exigem algum tipo de regulação, distorcendo os mecanismos de ajuste nos preços. Também não é ser liberal lembrar a frase “não existe almoço grátis”, de Milton Friedman, verdade insofismável, em relação à questão básica da Economia, que é a ciência que busca enfrentar o problema da escassez.

Há desequilíbrio entre a busca de bens e serviços provenientes de desejos e necessidades humanas e a disponibilidade de fatores de produção para atendê-los. É claro que distorções na alocação de recursos também exigem regulação,
mas sempre haverá um “custo”. Na saúde suplementar,
o crescimento acentuado dos “custos” para atender às
demandas da sociedade é um excelente exemplo de que
“não existe almoço grátis”.

É com esse entendimento que devemos analisar uma das questões mais importantes para o Brasil de hoje e, especialmente, o de amanhã. Um grande desafio socioeconômico, junto com a reforma da previdência, para as futuras gerações. Assim, governo, congresso, Judiciário, empresas e famílias, todos precisamos entender bem o que é esse desafio, principalmente porque, como a questão fiscal tende a limitar os gastos nos sistemas públicos de saúde, a importância dos planos de saúde suplementar para atender uma parcela significativa das pessoas será cada vez maior.

Baixe aqui a matéria completa

08/06/2020 07h38

Por Luiz Roberto Cunha

Professor de Economia e Decano do Centro de Ciências Sociais da PUC-Rio, membro do Conselho Consultivo do Sistema Nacional de Índices de Preços e do Comitê de Economia do Mercado da CNseg.

Cadernos de Seguro - Uma Publicação da ENS © 2004 - 2020. Todos os direitos reservados.

Ao navegar em nosso site, você reconhece que leu e compreendeu nossa Política de Privacidade.